terça-feira, 2 de setembro de 2008

Grampo no poder. Escuta no STF tem raiz na leniência do Executivo e do Legislativo, omissos diante da cultura policial incrustada no Estado, diz Folha

Tomei emprestada a charge do Néo Correia publicada no Blog Acerto de Contas.
O presidente Lula decidiu afastar temporariamente o diretor da Abin, Paulo Lacerda, e subordinados diretos pelo escândalo dos grampos telefônicos. A medida foi em resposta a cobranças de providências feitas pelos presidentes do STF, Gilmar Mendes, e do Congresso, senador Garibaldi Alves (PMDB-RN). De manhã, Lula não aceitou pedido de demissão de Lacerda. (Folha)

Um comentário:

Nelson & Friends disse...

oi...
Estava navegando neste mar cybernético e bati no "iceberg" do seu blog... gostei.
Dê uma olhada no meu:
http://pedalopelacidade.blogspot.com